Celulares e Câmeras não pagam mais imposto na alfândega

Essa é um boa notícia para quem viaja para o exterior e quer trazer um Iphone ou o último lançamento em câmera digital.

Uma nova Instrução Normativa da Receita Federal liberou, a partir do início de outubro, o ingresso de câmaras fotográficas e celulares, considerados de uso ou consumo pessoal. Agora eles são isentos de impostos e não entram na cota de US$ 500,00 da Alfândega.

A atenção que o viajante tem que ter é que isso vale para um câmera ou celular não se a pessoa trouxer, por exemplo, 3 Iphones. Tirando a questão de apenas uma unidade está liberado trazer uma câmera, mesmo que ela seja das mais caras, como as Reflex, sem pagar impostos.

Também não é mais necessário fazer a Declaração de Saída Temporária de bens para câmeras e celulas.

Uma coisa que não mudou são os impostos sobre notebooks, netbooks que continuam sendo de 50% sobre o valor que passar da cota de US$ 500,00 (em aeroportos) e US$ 300,00 (por navio ou terra)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.